Licenciamento de marcas pode alavancar as suas vendas

Uma grande estratégia para alavancar vendas é utilizar a imagem de personagens animados, times de futebol. E marcas famosas como: UFC, Disney, Warner Bros., etc…

O licenciamento de marcas é uma prática que pode trazer benefícios a sua empresa, seja ela de grande, médio ou pequeno porte. É uma pratica que agrega muito valor aos produtos e serviços.

Segundo os dados da ABRAL – Associação Brasileira de Licenciamento, o Brasil tem hoje cerca de 1.500 empresas licenciadas e 700 licenças disponíveis distribuídas entre 60 agências licenciadoras, e esse número tende a aumentar muito.

Licenciamento

Para vender um produto licenciado, o empreendedor deve procurar agências licenciadoras. A Zoom Mais, pode lhe ajudar nesse processo, pois é muito importante saber escolher a marca ou personagem que mais se encaixa e que sua identidade/proposta se encaixe com a da sua empresa e com o auxílio de um profissional capacitado. A Zoom também presta suporte para que a negociação com as licenciadoras seja da melhor maneira possível para ambos os lados.

O licenciamento é um contrato em que um licenciado arrenda os direitos de parte de uma propriedade intelectual protegida (nome, imagem, logotipo, personagem ou uma composição de mais de um destes elementos) de um licenciador.

Listamos os tipos mais comuns licenciados no Brasil e no Mundo:

– Arte
– Personagens (Cinema, TV, Video Game, Desenhos Animados)
– Colegial
– Moda
– Música
– Esportes (Times, Atletas)

De acordo com a ABRAL as empresas que mais utilizam licenciamentos são as de segmentos como: alimentação, confecção, papelaria, brinquedos, calçados e higiene e beleza.

Paris-1221

Regras

Com o licenciamento em mãos, você poderá usufruir do direito de imagem que adquiriu, no entanto, o processo tem algumas condições e termos que ambas as partes precisam respeitar.

O licenciado no caso sua empresa, deve pagar uma remuneração financeira ao licenciador, que pode ser um percentual sobre as vendas do produto (royalties). Por isso é muito importante um bom planejamento de marketing para poder investir sem correr riscos.

Importante também fazer uma análise financeira sobre a sua viabilidade, pois sua empresa será avaliada antes que o licenciamento seja concluído.

A Zoom

A Zoom acabou de entregar um projeto de licenciamento para um de nossos clientes, com o temática dos Smurfs.

Criamos 4 novas embalagens para seus produtos e participamos ativamente do processo de licenciamento, entrando em contato com a licenciadora, participando de reuniões de aprovação. Em seguida, enviamos as artes das embalagens para o cliente e para a licenciadora, e elas foram aprovadas em ambos os casos.

Clique na imagem e confira o nosso mais novo case de sucesso:

1
Fonte: Abral/ UOL Economia

Entenda o comportamento de seus clientes

Empresas precisam entender o comportamento de seus clientes para se destacarem da concorrência e aumentarem vendas.

Até pouco tempo atrás as marcas ditavam as regras do jogo: produtos e serviços eram propagados de forma idêntica e ignoravam os desejos dos consumidores. Esta influência deixou marcas na cultura e práticas sociais, mas atualmente a situação se inverteu. São as pessoas que detêm o poder e a empresa que quiser sobreviver precisa se adequar às diferentes vontades de seu público-alvo.

A necessidade de mudança atende uma demanda que surgiu com a evolução tecnológica e a concorrência elevada em todos os setores. Agora, o cliente quer atendimento e produtos personalizados e uma ótima experiência de compra. Atender esse perfil é uma questão estratégica para as corporações. De acordo com levantamento da consultoria TechCast, dos EUA, a personalização vai responder por 30% do faturamento do varejo até 2017.

“Mais do que buscar descontos e preços acessíveis, o consumidor quer ter uma experiência única que satisfaça sua necessidade e vontade. Ele quer ser notado e atendido de forma exclusiva em qualquer ambiente”, comenta Juliana Azuma, superintendente da Serasa Experian Marketing Services.

Confira o passo a passo para satisfazer seu público-alvo

O ponto de partida é compreender o seu comportamento. Entender a jornada de compra, descobrir os assuntos que o motivam e saber se comunicar com ele em vários canais. Para esse conhecimento, uma boa campanha online, como inscrição nos sites e interatividade em redes sociais, costuma render dados valiosos.

O segundo momento envolve desenvolver produtos e serviços que vão além de oferecer itens semelhantes à concorrência. Para cativar eles precisam ser voltados à inovação e autenticidade. É isso que motiva o consumidor no momento da compra.

Foi-se o tempo em que o mesmo produto conseguia atingir de Oiapoque ao Chuí. Agora, a tendência é que produtos e serviços tornem-se cada vez mais customizados para atender os mais variados perfis e sonhos dos consumidores. –

Fonte: Virtual Marketing