Todos os produtos precisam ser embalados com materiais específicos para que sejam conservados da maneira certa e cheguem com qualidade até o consumidor final. Os alimentos enlatados, por exemplo, são armazenados em embalagens de alumínio que aumentam o tempo de conservação.

Há produtos que necessitam de uma embalagem que também conserve o aroma. Alguns desses produtos são: Perfumes, temperos, chás, chocolates e cafés.

Por que é necessário preservar o aroma?

O aroma também é um importante fator que pode levar ao ato da compra, pois atraí e instiga o consumidor.

No caso dos perfumes, é a forma do consumidor saber se vai gostar desse produto para que a compra seja realizada.

Embalagens de café

O café é um dos produtos que necessita de um tratamento especial na hora de ser transportado e exposto no PDV. É um produto plantado e colhido em épocas especificas durante o ano, torrado, moído e transportado para e vendidos em supermercados, mercadinhos e até padarias.

Porém todo esse processo demora e, nesse tempo, o café pode perder sabor, frescor e até aroma. Por isso é necessário embalagens especiais para os cafés.

Embalagens almofadas

É a embalagem de café mais tradicional e possui esse nome pois se assemelha à uma “almofadinha”. A embalagem almofada tem um custo mais acessível, porém sua validade é menor que a embalagem à vácuo. Sua estrutura permite a liberação de alguns gases provenientes do produto, mantendo o frescor e transmitindo o aroma.

Embalagens à vácuo

Essas embalagens servem para que nada entre em contato com o café, fazendo com que não haja deterioração das matérias orgânicas. Isso ajuda a conservar o frescor e aumentar a validade do produto. Se a embalagem não for aberta, o produto dura de 12 a 18 meses.

Embalagens com atmosfera modificada

A embalagem com atmosfera modificada (AM) é formada à partir de misturas balanceadas de gases atmosféricos. Essa mistura diminui a velocidade do processo de envelhecimento do produto, ajudando a reduzir a perda de cor, aroma ou sabor.

Ela é muito utilizada em produtos como: carne vermelha, frutos do mar, massas, queijos preparados e até café! Um exemplo é o café fresquinho da Santo André, embalado através desse método.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *